Triângulo Mineiro / Atualidades

Campanha de Vacinação Contra Gripe termina sexta

Rede municipal de saúde faz alerta

Do R7 Triângulo

Grupos prioritários recebem vacinas contra gripe em Uberlândia Grupos prioritários recebem vacinas contra gripe em Uberlândia Grupos prioritários recebem vacinas contra gripe em Uberlândia Grupos prioritários recebem vacinas contra gripe em Uberlândia Grupos prioritários recebem vacinas contra gripe em Uberlândia Grupos prioritários recebem vacinas contra gripe em Uberlândia

Termina na sexta-feira (22) a Campanha Nacional de Vacinação contra gripe. A rede municipal de saúde alerta que pessoas com 60 anos ou mais, gestantes, mulheres com até 45 dias pós-parto, crianças de seis meses a menores de cinco anos, doentes crônicos e trabalhadores da saúde que ainda não foram vacinadas contra gripe, devem ir até um posto de vacinação para imunizar contra a doença.

Segundo a coordenadora do Programa Municipal de Imunização, Angela Menezes, grande parte do público alvo ainda deve procurar pela vacina em Uberlândia. Enquanto no município 45% do público alvo já foi vacinado contra gripe, no Brasil o índice é de aproximadamente 34% do público alvo. 'É importante o grupo prioritário procurar imunizar o quanto antes uma vez que as temperaturas já estão mais amenas e o organismo leva de 2 a 3 semanas para produzir os anticorpos que protegem contra a doença', disse.

Foram aplicadas aproximadamente 55 mil doses da vacina em Uberlândia. O objetivo da rede municipal de saúde é alcançar 80% da meta com pelo menos 97.509 doses aplicadas. Não são contabilizadas nesta estimativa do Ministério da Saúde para compor a meta, as doses que também são aplicadas em pacientes com doenças crônicas, funcionários do sistema prisional e pessoas privadas de liberdade.

O público-alvo da campanha deve procurar uma das 71 salas de imunização perto da residência distribuídas entre as Unidades de Atendimento Integrado (UAIs), Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e Unidades Básicas de Saúde da Família. 'As vacinas estão disponíveis nas salas de vacinação de segunda à sexta, das 8h às 17h. Cada dose da vacina contém cepas da influenza inativada dos subtipos A/H1N1; A/H3N2 e influenza B. A composição é escolhida a cada ano visando proteger a população contra os vírus que tiveram maior circulação no ano anterior', explica Angela.

Ainda de acordo com a coordenadora de imunização, a procura pela vacina nas unidades é mais frequente pelos idosos, mas é importante que todos que compõem o grupo prioritário compareçam a uma sala de imunização. 'No caso das crianças com até 4 anos 11 meses e 29 dias de idade, a Organização Mundial de Saúde alerta que a vacina é eficiente para reduzir o quantitativo de hospitalizações. Já a gestante garante a imunização para ela e o bebê, enquanto a puérpera com até 45 dias pós o parto também protege o recém nascido com o leite materno', alerta.

 

 

  • espalhe por ai


A A A A A
publicidade




Slider 02
publicidade